Logística

Santos Brasil inaugura novo CD na região do ABC paulista

Unidade Imigrantes amplia em 30% a capacidade de estocagem da companhia

22/10/2020 11h28

Foto: Santos Brasil - Divulgação

A Santos Brasil acaba de inaugurar seu segundo centro de distribuição na região de São Bernardo do Campo (SP), antecipando-se à retomada da economia esperada para o pós-crise da pandemia da Covid-19.

O espaço conta com 7.376 m² e capacidade para 13.184 paletes. A nova unidade aumenta em cerca de 30% a capacidade de armazenagem da Santos Brasil em armazém geral, ampliando a oferta de operações verticalizadas do porto à porta e a atuação da companhia em operações 3PL, com atividades sob medida, que envolvem alto nível de complexidade.

Batizado de CD Imigrantes, por se localizar às margens da Rodovia dos Imigrantes, o novo espaço fica bem próximo ao CD São Bernardo, ambos em localização estratégica, muito próxima ao Porto de Santos (SP), onde a Santos Brasil opera seu terminal de contêineres, o Tecon Santos, da cidade de São Paulo, maior centro consumidor do país, do Rodoanel e, ao mesmo tempo, fora do perímetro urbano e dos seus gargalos viários.

O CD Imigrantes fica em um condomínio fechado, com infraestrutura moderna e segura. Tem piso nivelado a laser, pé direito de 12 metros, 13 docas com niveladoras e sistema de combate a incêndio com sprinklers categoria J4. Está recebendo equipamentos de última geração, como novos porta-paletes e empilhadeiras articuladas, que conseguem operar em espaços mais estreitos, aumentando a produtividade.

O WMS funcionará de maneira integrada nos dois CDs da companhia. Além disso, a área de logística passou a contar com um upgrade do sistema, agora com novas funcionalidades e mais possibilidade de geração de dashboards, com visibilidade online para os clientes e relatórios sofisticados.

“O novo CD vai permitir a expansão da nossa atuação em operação de armazenagem geral, atendendo um número maior de clientes no modelo one stop shop, em que cuidamos da carga do porto até o destino final, centralizando todos os serviços da cadeia logística em uma interface única, e de novos clientes que não têm necessidade de área alfandegada, mas que requerem serviços de logística customizados”, afirma Ricardo Buteri, diretor Comercial da Santos Brasil.